Durante os próximos meses, vamos cobrir alguns dos principais tópicos de SEO e como este pode ajudar a crescer o tráfico para o seu site, aumentando vendas e gerando leads. Em futuros artigos neste blog iremos entrar em maior detalhe

O que é o SEO?

SEO significa Search Engine Optimization, onde “palavras-chave” são classificadas em motores de busca incluindo Bing e o Google. Muitas negócios têm como objetivo colocar as suas palavras chave o mais alto possível de forma a gerar tráfego de qualidade para os seus sites

Existem diversas áreas no SEO que os marketeers e as agências tem de ter em conta, de forma a que a fundação e duração de qualquer estratégia seja sólida a longo prazo.

O SEO tem que ser encarado como uma atividade contínua, já que as palavras-chave podem tornar-se mais competitivas, ou novas palavras-chave podem surgem como oportunidade. Os rankings podem flutuar oque significa o reforço das atividades de SEO.

O objetivo principal para qualquer negócio que adote o SEO é o de obter uma boa classificação das palavras-chave mais relevantes que gerem bom tráfego, o que, por sua vez, aumenta a conversão. Quanto mais palavras-chave se classificam bem, melhor.

Em baixo, irá ler um breve sumário sobre as principais áreas, de forma a ajudá-lo a construir uma estratégia de SEO eficaz.

O SEO cobre as seguintes áreas: Palavras-chave, Otimização do site, Conteúdo de qualidade, Social Media e links

Palavras-chave – Os blocos de construção do SEO

Escolha palavras que sejam realisticamente possíveis de se classificarem bem nos motores de pesquisa. Escolher palavras-chave competitivas irá tornar muito mais difícil obter rankings de sucesso. Existem sempre oportunidade de agarrar word space. Usando software gratuito, como a Ferramenta de palavras-chave do Google Adwords, pode ver exatamente que palavras têm uma quantidade decente de pesquisas mensais, bem como níveis de concorrência.

Concentre-se em “non branded keywords” (palavras-chave sem a sua marca / nome comercial). As pessoas pesquisam por palavras genéricas. As branded keywords irão classificar-se organicamente com um site bem otimizado!

Com as palavras-chave certas, agora poderá avançar e criar/ otimizar o seu site.

Website

Esta é a parte mais técnica do SEO e o elemento central para sustentar uma boa estratégia. O seu site deve seguir uma lista dourada de dicas de SEO, algumas das quais são:

Domínio – foco no país de negócios (.pt, etc.). Se for global, então vá para .com

Idiomas – separar idiomas usando pastas (/ en) e href tags

URLs – Sempre que possível, assegure-se a que as palavras-chave de cada página aparecem no URL. O URL deve ser o mais curto e conciso possível.

Títulos de página – Certifique-se de que eles contêm o número correto de caracteres e contêm as palavras-chave principais (Esta informação aparece no Google Rankings)

Descrição da página – Isso também aparece no Google Rankings como o descritivo da página. Seja conciso, natural, descritivo e, também adicione a palavra-chave da página principal. Mantenha os limites dos caracteres. Esta parte é tão importante quanto um gerador de cliques. Isso gera o tráfego para o seu site!

Palavras-chave – Se possível, adicione as palavras-chave principais relacionadas com a sua página. Alguns motores de pesquisa confiam nestas informações para ajudar a categorizar as suas páginas.

Cabeçalhos / Títulos – Organize os títulos das suas páginas com H1, H2 e H3 etc. H1 sendo o seu título principal. Isto irá manter o conteúdo organizado e comunica melhor com o Google Bots.

Imagens – Atribua nomes às suas imagens, usando Texto Alternativo usando palavras-chave e a sua empresa / marca que estão relacionadas à página em questão. (Google Image Search é um enorme motor de pesquisa)

Navegação – Mantenha organizada e limpa. Evite descer até muitos níveis. Não mais do que o 2º nível.

Rodapé – Na parte inferior do seu site, deverá existir um rodapé que deverá conter os principais links para a sua página usando textos de apoio (links de texto para páginas). Trate-o como se fosse uma segunda navegação.

Links Internos – Este assunto será abordado num post futuro deste blog, mas algumas páginas deverão estar linkadas umas às outras, usando links de texto e as suas principais palavras-chave, mantenha-se atento.

Links Social Media – Crie links para os seus canais de Social media. Existem muitos fornecedores que oferecem serviços de script gratuitos que permitem colocar botões nos canais de social media.

Social Shares Bar – Quando tem um bom conteúdo para partilhar (notícias, press releases ou Blog Articles), adicione uma social share bar em todas as páginas. Isto irá difundir o seu conteúdo de graça e espalhar os seus links, o que é ótimo para o seu SEO.

Google Analytics – Instale esta poderosa ferramenta, que irá analisar todos os aspetos do seu site.

Consola de Google Search – Instale-a através da sua conta do Google. Uma excelente ferramenta gratuita para medir palavras-chave que geram tráfego para o seu site, erros de SEO do seu site, submissão de novas páginas e muito mais.

Robots.txt – Assegure-se que tem um robots.txt para o seu site. Isso diz aos Google Bots o que indexar e não indexar no seu site.

Sitemap.xml – Este é um script automatizado que informa o Goole Bots acerca de páginas, novas páginas e artigos no seu site. Existem sites gratuitos que geram sitemap.xml. O XML pode ser submetidos através da consola de pesquisa.

Site otimizado para dispositivos móveis – Atualmente, muitas pessoas acedem aos sites através dos seus dispositivos móveis, smartphones, tablets. Por isso, é essencial que o seu site seja responsivo para os ecrãs mais pequenos. Muitos fornecedores de sites têm templates de design responsivo, onde o seu site se reorganiza automaticamente de acordo com o tamanho do ecrã.

Tempo de carregamento do site e da página – SEO também é sobre a experiência do utilizador. O Google e as pessoas não gostam de sites que demoram muito tempo a carregar. Imagens compactadas, codificação limpa, a não existência de muitos plugins e Widgets, um Javascript claro, CSS hospedado remotamente e boa hospedagem de servidor, são alguns aspetos que irão tornar o seu site mais rápido.

Links externos – Quando fizer links externos use”_blank” de forma a que o novo de forma a que novas janelas sejam abertas. Não quer que as suas “Taxas de Bounce” aumentem.

Links externos ao seu site – Através da consola de pesquisa ou do Plug In do SEO Quake Chrome, irá ver outros sites que tem links que remetem para o seu site. Se possível, contacte-os e estude formas de otimizar esses links / conteúdo.

Página do Sitemap – Crie uma página simples com links para as suas páginas principais, usando links de texto. Não só é uma atividade de construção de link interno, com também é considerada uma página que ajuda os visitantes do site a encontrar as suas páginas com facilidade.

Conteúdo de qualidade (e Social media)

O conteúdo ainda é o rei e veio para ficar. Atualmente é mais importante do que nunca! Quando cria conteúdo interessante para os seguidores de redes sociais, então eles irão interagir através de comentários ou partilhas. As pessoas vão partilhar os seus links e não lhe irá custar 1 euro. Durante estes anos, o Google considerou o bom conteúdo como o gatilho para ajudar no ranking das palavras.

O conteúdo pode realmente ajudar o seu SEO. As páginas principais do seu site nunca serão capazes de atender todas as palavras-chave para as quais deseja classificar. E é aqui que um blog realmente pode ajudar. Depois da sua pesquisa de palavras-chave, irá muito provavelmente chegar uma lista longa de palavras-chave. Pode usar artigos no seu site para classificar essas palavras-chave.

Não crie conteúdo, apenas para classificar essas palavras-chave. Crie conteúdo que atraia público. Crie conteúdos que ajude a informar, que ajude a educar as pessoas no seu mercado. Seja um líder de informação no seu mercado.

Use os seus canais de social media para difundir os seus artigos. Não só as pessoas irão partilhar o seu conteúdo, mas também irá ajudar a construir seguidores fiéis nos seus canais.

No futuro iremo-nos debruçar mais no Marketing de Conteúdo no futuro.

Seja paciente

Finalmente, seja paciente. O SEO leva tempo. Não é como outras formas de marketing online, onde a publicidade é “instantânea”. O SEO é um trabalho contínuo e envolve inúmeras mudanças e adaptações. Os resultados iniciais iram demorar semanas para terem algum afeito nos rankings. Esteja alerta aos seus relatórios de SEO, nomeadamente os rankings e o tráfego de palavras-chave. Quanto mais competitivo for o seu mercado, mais tempo irá demorar. Mas com uma forte estratégia de SEO e Marketing de Conteúdo, irá acontecer.

 

Autor: Tristan Walker